Internet das Coisas e a Sustentabilidade

  • por
A Internet das Coisas e a sustentabilidade estão próximas, com metas mais exigentes para o meio ambiente e sociedade de consumo consciente.
600

A Internet das Coisas e a sustentabilidade estão mais próximas do que nunca. Com metas globais cada vez mais exigentes em relação ao meio ambiente e uma sociedade de consumo consciente e engajada, as empresas encontram na inovação uma forte aliada para unir desenvolvimento e responsabilidade socioambiental.

Tendo em vista esse objetivo, muitos estão usando a IoT para a gestão dos recursos naturais, com uma redução considerável nos custos e o aumento da produtividade empresarial. 

Neste artigo você vai conhecer as aplicações dessa tecnologia e alcançar melhores resultados para a conservação do planeta. 

Quais são as áreas beneficiadas pela IoT? 

A Internet das Coisas tem sido aplicada em diversos setores diferentes. Seus principais que estão conectados com os recursos naturais são: agricultura, no controle das plantações, monitoramento e rastreio de gado; no setor energético, com a busca por mais eficiência com menos consumo; e na mineração, melhorando as condições de segurança e obtendo um melhor aproveitamento dos equipamentos. 

Quais são as aplicações de IoT para gestão dos recursos naturais? 
  • Irrigação inteligente 

Com o uso de sensores e drones, a irrigação pode se tornar ainda mais automatizada. O aumento da capacidade de monitoramento das áreas do plantio permite que os funcionários tenham conhecimento das regiões que necessitam de substâncias especiais, podendo, assim, tomar a decisão de aplicar determinados nutrientes. Como tudo acontece em tempo real, o tempo é otimizado e problemas podem ser resolvidos quando ainda estão menores. 

  • Medição inteligente de energia 

Com o conceito de rede inteligente, é possível uma melhor fiscalização da energia utilizada, com uma descentralização das informações e um fluxo muito mais seguro. Isso porque o termo abarca uma mudança estrutural nas arquiteturas de distribuição, com o intenso uso de sensores para transparência com relação à utilização de energia em cada unidade. Ou seja, as unidades estarão conectadas às centrais concessionárias pela rede elétrica, mas também pela internet. Uma melhor comunicação possibilita um controle maior e a prevenção de danos.

  • Monitoramento da água em reservatórios 

A medição nos reservatórios pode se tornar mais ágil e ajudar a prevenir vazamentos. Afinal, com o controle e gerenciamento em tempo real, é possível economizar esse recurso e fazer predições com relação ao tempo de duração. A geração de dados com os sensores — conectados via IoT — e a análise com ferramentas de ciência de dados e estatística permitem uma consistência muito maior nesse departamento. 

Qual a importância da gestão de recursos para a sustentabilidade? 

Pensar em sustentabilidade é se preocupar com o planeta e com o que deixaremos para as futuras gerações. Uma gestão mais inteligente dos recursos permite que as indústrias tenham conhecimento do que gastam para serem capazes de reduzir e otimizar esse consumo. Considere a economia doméstica! 

Se você não controla e anota o que gasta, como poderá cortar despesas e diminuir esses custos? É praticamente inviável. Mas se você contar com sistemas que ajudam a monitorar cada quantia, além de relatórios e gráficos, é fácil aplicar ações para aumentar a eficácia dos seus recursos, visando a um objetivo específico. No nosso contexto, o objetivo é a sustentabilidade.

 A IoT para gestão dos recursos naturais é uma realidade cada vez mais presente nas indústrias, com benefícios concretos para a produtividade, otimização das operações do cotidiano e melhor gerenciamento dos elementos necessários. 

Acompanhe nosso blog e nossas redes sociais como o Facebook, Instagram e LinkedIn para mais conteúdos que o ajudem diariamente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *