Saiba como a Internet das Coisas está inserida na indústria da saúde

  • por
Cada dia mais a indústria da saúde cresce no Brasil e no mundo, desde o gerenciamento de medicamentos até o monitoramento de pacientes.

Cada dia mais a indústria da saúde cresce exponencialmente no Brasil e no mundo, desde o gerenciamento de medicamentos até o monitoramento de pacientes. 

Na área da saúde, a Internet das Coisas está ligada e atua diretamente a sensores, detecta propriedades físicas como a temperatura, pressão, movimento, peso, luz e as converte em sinais elétricos. Em seguida, um gateway IoT recebe o sinal e o processa em informações úteis.  

Além da medição dessas grandezas, um caso de uso comum na área de saúde, que interliga a IoT, é o rastreamento em tempo real de equipamentos médicos, como nebulizadores, kits médicos, bombas de oxigênio e cadeiras de rodas. 

Hoje vamos conversar um pouco sobre os principais benefícios da inserção da IoT na indústria da saúde: 

– IoT ligada ao monitoramento remoto

O monitoramento remoto ajuda milhares de pacientes que precisam de check-ups regulares de suas condições de saúde. Os dispositivos IoT, como pulseiras fitness ou smartwatches, podem monitorar o açúcar no sangue e a frequência cardíaca dos pacientes e enviar informações em tempo real aos médicos.

– Acessibilidade com o uso da Internet das Coisas

A IoT pode auxiliar os hospitais a gerenciar com eficiência suas operações administrativas, como automatizar o agendamento de consultas ou o rastreamento em tempo real dos leitos disponíveis. 

– Auxílio administrativo através da IoT

Os dados coletados em tempo real por meio de dispositivos IoT podem ser processados ​​e documentados para fazer um relatório criterioso sobre o histórico e o comportamento do paciente. Assim a IoT ajuda os médicos a compreenderem melhor a natureza da doença e a fornecer um tratamento melhor. 

– Gerencia equipamentos e medicamentos

Com a IoT você pode armazenar enormes pilhas de medicamentos e equipamentos de maneira organizada com a ajuda do rastreamento em tempo real. 

– Facilita a comunicação entre hospitais 

Como a IoT ajuda a manter um registro eletrônico do histórico médico, agora não é mais preciso carregar uma pasta de documentos de seu diagnóstico anterior. Ela também ajuda os hospitais a compartilhar informações úteis e necessárias de maneira integrada e econômica. 

– Reduz o erro de profissionais 

Algumas operações de saúde precisam de precisão e exatidão, como determinar a elegibilidade de um candidato para testar um novo medicamento. O tratamento manual de dados, especialmente quando um grande volume de dados está envolvido, pode aumentar as chances de erros humanos. Assim a Internet das Coisas garante que os dados estejam livres de erros. 

Os benefícios da Internet das Coisas no campo da saúde são enormes. Como vimos, quando integrada com a saúde, a Internet das Coisas pode ser usada para aumentar a eficiência das operações hospitalares, melhorar o monitoramento do paciente e até mesmo fornecer soluções acessíveis em tecnologia vestível. 

Acompanhe nosso blog e nossas redes sociais como o Facebook, Instagram e LinkedIn para mais conteúdos que o ajudem diariamente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *