Gateway, um termo esquecido que voltou à tona através da IoT

  • por

Gateway & ioT

Gateway, na mais simples tradução para o português, significa “portão” ou “portal”. Um equipamento que tem o papel dentro da Internet das Coisas de conectar múltiplos dispositivos de redes diferentes para se comunicar através de padrões.

Em geral, ele faz a função de ponte entre dois ou mais aparelhos, analisando e tratando as informações de acordo com o tipo de finalidade que ela será destinada. Como por exemplo: conectamos a ele um sensor de abertura e fechamento e uma lâmpada e criamos um padrão; toda vez que a porta se abrir, a lâmpada acenderá e quando a porta se fechar a luz se apagará. Esse procedimento se torna seguro, prático, coordenado e com um tempo de resposta muito rápido graças ao Gateway IoT, ele envia apenas as informações mais relevantes ocasionando uma redução de custos enorme com infraestrutura, tudo que queremos para o nosso futuro, ou melhor, para o nosso presente é claro.

Não parando por aí, o Gateway da Pixel foi desenvolvido para trazer mais comodidade ao usuário, de fácil instalação você pode transformar a sua vida com um simples comando.

Benefícios ainda maiores:
  • O único do mercado com comunicação offline. Seus dispositivos vão continuar operando mesmo com ausência de internet;
  • Obtenha respostas rápidas dos seus comandos devido à comunicação de Rede Mesh, onde os dispositivos buscam as melhores rotas para a troca de dados;
  • Todos os dispositivos operam em Zigbee garantindo maior duração de bateria;
  • Tecnologia bivolt, para você não se preocupar com as tomadas;
  • Criptografia, aumentando a sua segurança;
  • Antenas de 5dBi ideal para deixar o sinal mais potente;

O mercado de Gateways de IoT está se expandindo rapidamente e hoje é praticamente impossível projetar o uso da IoT sem usar um. Conseguiu entender a vital importância desse equipamento na Internet das Coisas?

Acompanhe a Pixel TI pelas redes sociais: Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube. Lá compartilhamos mais informações sobre esse e outros assuntos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *